Decreto Municipal poderá proporcionar agilidade no atendimento aos pacientes do SUS em Nova Santa Helena
Publicado em: 11/08/2017 ás 10:39:00 Fonte: Assessoria Mt24horas Comunicação

A Regulamentação do Protocolo de Enfermagem garante melhor atendimento e segurança aos pacientes atendidos no Sistema Único de Saúde do Município.

O Decreto Nº 037/2017 para normatização do Protocolo de Enfermagem de Nova Santa Helena, foi assinado pela Prefeita Terezinha Guedes Carrara, no último dia (03). Para tanto um estudo feito pelo Secretário Municipal de Saúde, Luiz Fernandes Pereira da Silva e a comissão de enfermeiras, para elaboração do protocolo.

Um dos objetivos é normatizar as atividades assistenciais de enfermagem, conforme protocolos existentes nos programas da saúde, proporcionando o respaldo legal, e melhorando a qualidade de atendimento aos usuários do Sistema Único de Saúde (SUS) do município. A padronização dos procedimentos dá mais autonomia e mais resolutividade nas rotinas de trabalho do profissional da enfermagem.

A existência do protocolo de enfermagem Municipal proporciona agilidade aos atendimentos médicos, os enfermeiros estarão seguros na hora do atendimento e da triagem feita antes dos atendimentos médicos, possibilitando a prescrição de medicamentos e solicitação de exames complementares e de rotina, de rastreamento e de seguimentos do pacientes com patologias específicas dos Programas de Saúde Pública e rotinas aprovadas executadas, poderá realizar fusão venosa com solução fisiológica se julgar necessário, e posteriormente comunicar ao Profissional Medico para avaliação e conduta.

As atribuições e competências dos profissionais de enfermagem que atuam nos Programas de Saúde Pública, e em funcionamento na rede municipal de saúde segundo o Decreto Nº 037/2017 encontram-se no portal do diário Oficial dos Municípios (AMM) https://diariomunicipal.org/mt/amm/publicacoes/309271/

São Ações de Saúde Pública e Diretrizes Clínicas aprovadas pela Secretaria Municipal de Saúde de Nova Santa Helena, que justifica a relação dos medicamentos padronizados constantes no Anexo II, Programa de Atenção Integral à Saúde da Criança, Programa de Atenção Integral à Saúde de Adolescentes, Programa de Atenção Integral à Saúde da Mulher, Programa de Atenção Integral à Saúde do Adulto, Programa de Atenção Integral à Saúde do Idoso, Programa de Controle da Diabetes Mellitus, Programa de Controle da Hipertensão Arterial, Programa de Controle da Tuberculose, Programa de Controle da Hanseníase, Programa de Assistência às Doenças Sexualmente Transmissíveis, Vigilância Epidemiológica, Rotina de tratamento de feridas. A Portaria não isenta nenhum enfermeiro de sua responsabilidade ético-legal durante seu desempenho pessoal no exercício de sua profissão.

Segundo a Prefeita esta atitude precisava ser tomada. “O Secretário de Saúde juntamente com a equipe tecnica, fez o estudo a respeito, e vimos que o município não tinha esta normativa, era preciso ser feita, As enfermeiras ficam seguras de que estão regulamentadas, e os pacientes seguros de que serão atendidos, e na triagem se não estiver ao alcance da enfermeira, passará para o médico, facilitando o atendimento.” Argumentou Terezinha Guedes.

Notícias relacionadas
Copyright 2017. Todos os direitos reservados.
Prefeitura Municipal de Nova Santa Helena